segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

O senhor que se segue

PF não foi feliz no nosso clube. Tudo fez para o ser, não tenho dúvidas. Mas não conseguiu. A vida é assim.
 
E não acho que a culpa seja dos jogadores, nem do plantel. Ainda ontem se viu que os jogadores estão claramente com o técnico. E considero que temos um plantel que permite fazer um 11 fantástico.

Mas independentemente de se manter ou não no comando técnico, é para mim claro que PF já cá não está. Picologicamente, deitou a toalha ao chão. Deu-se por resignado face à falta de resultados. Sentiu que já não tinha forças para mais. Está esgotado.
 
Ainda por cima, logo, devemos ficar a sete pontos. Creio que, deste vez, nem mesmo a basófia vermelha os vai despistar ante o Guimarães.
 
Portanto, vamos ter também que redefinir objectivos.
 
Ou seja, temos de pensar em alternativas a PF. Seguramente que o NGP já as tem em mente. Apenas aguarda o momento mais oportuno para comunicar a decisão.
 
Eu também tenho as minhas ideias. Cá estou então a dar a minha opinião.
 
Alguns nomes, de imediato - AVB, Rui Vitória, Marco Silva, Pedro Emanuel e Domingos. Todos excelentes treinadores.
 
A nome que vou avançar está condicionado pelo que tenho visto mais recentemente.
 
Como sabem, tenho vindo a seguir o Estoril. E fico pasmado como é que a equipa, que é constituída por um grupo de marretas, faz o que faz. Não é normal. É o contrário de nós. Nós, jogadores fenomenais, parecem trepos. Eles, jogadores pernetas, parecem craques. Como ??!!!
 
Depois, no final dos jogos, ouço-o e digo - este fulano viu o mesmo jogo que eu.

Fazendo de advogado do diabo contra mim próprio, costumo pensar, pois, mas o PF também o fez em Paços. Até foi à Champions e ficou à frente do Estoril. Logo ....

Sim, é verdade.
 
Mas o que me parece diferenciar é a questão mental. PF não estava mentalmente preparado para este porta-aviões. Será um excelente treinador mas, para já, nas fragatas. Ainda não tem capacidade psicológica para um colosso mundial.
 
Não tem nada de mais. Nem é nenhum crime. Acontece.
 
 
E Marco Silva aguentará ?
 
Pois ... eu diria que sim. Que é essa a minha convicção. Até porque para mim a grande força do Estoril é ... a força mental ! Precisamente. Mental. É a única explicação para o futebol do Estoril.
 
Basta ver aqueles marretas a jogaram.
 
Ainda para mais, o Estoril vai no segundo ano de sucesso retumbante. E perdeu n jogadores.
 
Vai daí, a minha aposta seria Marco Silva.
 
E pode trazer a excepção aos marretas, Evandro.
 
Mas isto sou eu a falar. Porque quem tem a palavra é o melhor dirigente desportivo mundial da actualidade. E, enquanto for ele a decidir, eu sei que, embora podendo errar,  os superiores interesses do Clube estão sempre e mais uma vez salvaguardados.
 
 
 
SOMOS PORTO
 
 
P.s. - Já agora, espero que o FC Porto esteja atento a um jogador que é filho de um grande glória portista ...
 

11 comentários:

Pés-Juntos disse...

Antes de mais parabéns pelo blog onde se podem ler artigos bem escritos com argumentos interessantes.

Quanto ao Marco Silva, se aquela conferência de imprensa ontem no Dragão não foi uma declaração de interesse no lugar perto de estar vago de PF então foi uma entrevista de emprego sem o empregador estar presente a fazer perguntas.

Pessoalmente deixava o Marco acabar a época no Estoril. Ou no Braga.

Prefiro neste momento alguém com muito mais experiência pois o Porto não se pode tornar num Cemitério de Treinadores à lá 2005.

Por mim ia buscar o Jaime Pacheco. É um homem à Porto, treinador campeão. Dava-lhe o resto da época e mais uma de opção.

A mentalidade pode ser medieval mas o Jaime Pacheco sabe 3 coisas: a) Jogar para o resultado; b) Deixar a pele em campo; c) Organizar defesas.

A alternativa é o Prof. Jesualdo até ao fim da época e depois então Marco Silva.

Ou então alguém "interno" como o Luis Castro ou o Rui Barros.

O Situacionista disse...

Pés-Juntos, meu caro, curioso que já não é o primeiro a aventar-me o nome do Pacheco.

O Situacionista disse...

E já que falo em curiosidades, não deixa de ser cada vez mais estúpida, mas sempre benvinda, as repetidas euforia e basófia vermelhas, que por aí já andam. Veremos no que dão ...
(uma coisa é certa, já sabem que aqui no blog é ... varredela !)

Linton Fernandes disse...

Aprecio o trabalho feito por Marco Silva, mas axo k n é a altura certa pra nova aposta d risco (treinador jovem, e k n aguentaria a pressão de treinar o porto nesta altura, bem como ñ é conhecedor da mística k tanto identifica o nosso Porto).
A meu ver, acho k nesta fase Jorge Costa (julgo k já deixou o comando do Anorthosis) seria a melhor escolha!

Pés-Juntos disse...

É apenas a minha opinião de quem assiste ao "fenómeno" FC Porto de fora.

Existem para aí pseudo-treinadores aos pontapés - Jorge Costa, Costinha, Pedro Emanuel, etc - que por melhores que tenham sido enquanto jogadores do nosso fantástico clube, enquanto treinadores não parecem dar uma para a caixa.

Para além do Jaime Pacheco e do Jesualdo (disponíveis), e do Marco Silva (igual a PF em experiência), talvez o Domingos (demora tempo a colocar as equipas a funcionar) ou aquele que eu vejo, se não se estragar entretanto, como futuro treinador do Porto dentro de 5-6 anos, o Sérgio Conceição.

Falta dizer que neste momento não existe um treinador estrangeiro sequer, disponível, que eu quisesse no FC Porto. E todos a os que se iludem com a fantasia de ter Marcelo Bielsa no dragão eu só posso sorrir da ingenuidade dessas pessoas.

Justiceiro Azul disse...

O Jaime Pacheco se calhar era bem visto! Só para acabar a época

O Situacionista disse...

Muitos amigos me criticam por eu só agora defender a saída de PF.

Hoje, tenho mais um argumento ... que, curiosamente, envolve o Paços de Ferreira.

Foi demitido o vermelho do Calisto.

Ora, o Costinha, não prestava. Porque causa do carro e dos fatos.

Foi para a rua. Quando nada o justificava.

Bonito serviço...

Fanático disse...

O que me parece é que devemos preparar a próxima época com serenidade e inteligência, quer quanto ao plantel, quer quanto ao treinador; o que não aconteceu esta época.

Mas também acho que o PF não tem condições para terminar a época, mesmo que a solução passe já por um homem da casa, seja ele Luís Castro ou Paulinho Santos!

Quanto à próxima época, partilho de algum receio quanto à falta de experiência do Marco Silva, mas também não estou a ver um estrangeiro que conheça o futebol português...

O AVB, de quem se fala sempre nestas alturas, e reuniria as condições ideais (experiência,competência e conhecimento da realidade do clube e do futebol luso), cheira-me que não quer vir num momento difícil como o actual...

Fanático disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
O Situacionista disse...

Do teu comentário, Fanático, ressalta uma ideia crucial: o mais importante, neste momento, é preparar a próxima época.

E seguramente que o melhor dirigente desportivo mundial da actualidade já o está a fazer. Como só ele sabe.

Sem nunca descurar o muito que ainda temos a ganhar este ano.

E, nesse aspecto, a mudança de treinador, a existir, só pode ter 2 caminhos: conttratação do treinador para ficar também na próxima época ou recurso à prata da casa. Não me parece ser possível e desejável a contratação de um treinador apenas para terminar esta época.

O Soldado Azul disse...

Eu penso que é importante refletir sobre várias coisas, por mais que nos custe:
1 - A ser verdade o noticiado pela imprensa (que o PF está seguro até 5ª feira...), pergunto: se por um milagre nos apuramos, o PF vai continuar ?!?!?!? É que se pôs mesmo o lugar à disposição (e se já é a 2ª vez), a casmurrisse do NGP... continua a prejudicar o Clube... E se continuar, até quando? Ao final da época? E se sim, o PF vai ajudar a preparar a proxima época (que supostamente já não continuará)?!?!??!
É tudo uma salgalhada inaceitável... e o NGP é responsavel!!
2 - Esta época (tal como a anterior) foi mal preparada por quem tem essa competência (Antero Henrique? NGP?) Importa recordar que a ultima acabou por nos correr muito bem, já que não dependíamos apenas de nós a partir da desvantagem dos 5 pontos... mas como o que contam são os titulos e como foi bem sucedida, não se leia "tal como a anterior"...
Parece que desde a entrada do Filho do NGP para a SAD... as coisas não correm bem... Eu não quero acreditar nos filmes da vermelhada... mas também não sei se no meio da novela não há um ou dois episodios realistas...
E espero bem que a saida do Angelino não tenha realmente a ver com fatores de instabilidade...
Espero ansioso e receoso pelas cenas dos proximos capitulos...