quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Afinal, sou culpado...

Afinal, sou culpado...

Comunicado da Procuradoria Geral Distrital do Porto:

" Nesta conformidade, obtida também a necessária concordância judicial, foi o processo de inquérito, quanto ao referido treinador principal, suspenso pelo prazo de oito meses, prazo durante o qual deverá dar cumprimento às seguintes injunções:
  • Entrega de satisfação pecuniária ao lesado, agente da PSP, no valor de €500;
  • Pagamento de €25 000 a duas instituições de solidariedade social identificadas -€12 500 a cada uma delas-, uma com actuação na área da saúde, outra na área do apoio à criança;
  • Pagamento ao Estado das despesas relacionadas com a assistência médica prestada ao agente de autoridade no valor total de €75,66;
  • Pagamento das despesas realizadas com o exame pericial de avaliação do dano corporal, no valor de €71,40.

2 comentários:

F.C.Porto Ontem, Hoje, Sempre! disse...

http://fcportoontemhojesempre.blogspot.pt/2014/02/esquemas-engenhosos.html

O Situacionista disse...

O que me irrita é ter quase a certeza que, se fosse o técnico do FC Porto não conseguia este "bondoso" castigo/acordo.

Que é quase um prémio !!! Só para vermelhos !!!

E, depois, 25.000,00€ para quem ganha 333.000,00€/mês é o mesmo que 75,00€ para quem ganha 1.000,00€/mês.

Além de que 75,00€ faz muito mais falta a quem ganha 1.000,00€/mês do que 25.000,00€ a quem ganha 333.000,00€/mês.