segunda-feira, 3 de julho de 2006

Bye Bye England!

Mais um jogo para português sofrer até ao fim...
Mas a explosão de alegria no final é fabulosa.
No mesmo segundo 10 milhões de pessoas entraram em absoluta loucura!
Somos uma das quatro melhores selecções do mundo!
Nós com os nossos 10 milhões de habitantes e 92 mil km2 de superfície.
Excelente!

A Inglaterra mereceu a derrota.
Pelo boizola do Ronney.
Pela imprensa inglesa.
Pelos adeptos insurrectos.
Não fomos brilhantes, mas fomos seguros e com enorme entreajuda. E os ingleses não nos foram superiores.

O Ricardo conseguiu algo nunca antes feito: defender 3 penalties.
Se foi sorte, estudo dos adversários, bruxaria, ou percepção do que eles iam fazer, não sei. Sei que os defendeu...
Está de parabéns por isso.
Mas fique claro que não são os penalties que definem os grandes guarda-redes. É o seu desempenho e atitude no tempo de jogo corrido.
Assim como se um qualquer jogador concretizar sempre os penalties, isso não faz dele um grande jogador. Não vamos ter um manco em campo só porque marca penalties.
E no tempo corrido, contamos com 4 excelentes defesas.
Mas o Ricardo tem estado bem, e ontem foi o garante da nossa vitória.

O Ricardo Carvalho é o melhor defesa mundial.
É fantástico!
Aparece sempre nos locais certos.
E ao lado dele, todos os centrais crescem.
Veja-se o Meira, que tem melhorado de jogo para jogo, e atingiu um nível excelente.

De entre os restantes temos um enorme incompetente: Pauleta.
Como diz um amigo meu, é um meco.
Quase não aparece em jogo, não ganha lances, não aparece desmarcado.
Segura os centrais contrários, mas isso é pouco.
O que nos vale são os restantes jogadores...
Mas também não há alternativas nos 23.

Num jogo em que entre o Brasil, esperam-se sempre jogadas mágicas dos brasileiros. Mas neste mundial não vi nada. O que vi no sábado foi um enorme Zidane, fantástico, a fazer a magia que esperava dos outros.
Uma vergonha este Brasil.
E para o Parreira, que se achou no direito de dizer mal do jogo português, foi muito bem feito!
A França tem estado a subir de forma de jogo para jogo.
E com a tradição em cima dos nossos ombros, vai ser mais um jogo terrível.
Mas vamos vencer, sem penalties nem prolongamento!

PS:
O Couceiro, em directo no C1, decidiu que a opinião dele é mais valiosa que a do Trio de Ataque, e resolveu passar um raspanete aos 3 comentadores e ao Carlos Daniel. Que “não tinha o microfone aberto para falar”, que “ele diziam mal só por dizer”, que “técnico é ele (Couceiro)”, que “o Pauleta tem jogado muito bem”, etc., e que tinham é de dizer bem da selecção!
Já cá faltava este!
Este senhor convenceu-se que é superior aos outros, e fala de cima para baixo…
O Trio tem falado muito bem, e com razão!
Quanto ao Zé, que se meta na vida dele, e deixa que cada um decida quem quer ouvir.
E já agora que calce umas meiazinhas, que ficam melhor com fato, e evitam os maus cheiros…

2 comentários:

O Situacionista disse...

Azzulli,

Depois de ler o teu post fico com a ideia que, presumivelmente, já deu o Trio.
Não percebo !!!
Aqui há duas semanas, creio, o nosso ilustre colega de blogue informou-nos que o programa daria sempre no dia seguinte aos jogos de Portugal.
Ora, Portugal jogou Sábado e no Domingo estive atento, mas nada ...
Quando deu ???
O Couceiro (que eu sempre defendi) atreveu-se a atacar o programa ????
Como é que é essa estória das meias ???

P.s – Ainda a semana passada vi o programa e o Rui Moreira contou outra estória absolutamente maravilhosa. Segundo ele, num jantar, que teve lugar antes do jogo do Euro com a Grécia no Dragão, em que esteve presente juntamente com mais duas pessoas do Porto, que não identificou, e onde também participou, entre outros, o Cartelista, este dizia que uma das maiores dificuldades que estava a sentir era em conseguir colocar os jogadores todos a rezar de ...mãos dadas.....
Presumo eu que essa “táctica” deva fazer parte do pacto com o outro....

klupi disse...

O Pauleta não é um meco...! é sim um GRANDE MECO!
Nao faz mesmo nada em campo, procura pouco a bola, nao se desmarca, limita-se a andar por ali a ver se chove... Nao pode continuar a jogar... temos de jogar sem ponta de lança pois o postiga é o que se vê e no nouno gomes é melhor nem falar.
Eu tirava o pauleta e punha o simao. jogava com 3 jogadores soltos na frente: simao , ronaldo e figo. cada um para seu lado sempre em permutas constantes...se marcarmos é em velocidade e em contra ataque.