domingo, 23 de janeiro de 2011

Que castigo apanhará (o estaladão de) Jorge Jesus ?

Como o jornal oficial do clube do regime BRANQUEIA totalmente a agressão (de registar que o Record não o faz),
.
nada como ver as imagens:

.


.
Ora bem, o Hulk, na escuridão do túnel, levou 4 meses. Portanto, às claras ...

10 comentários:

DC disse...

Boa tarde!
Vou colocar uma ligação no meu blog.
Dê lá uma passada.
Abraço!

http://mentirasvermelhas.blogspot.com/

O Contista disse...

...Às claras,e pela atitude do JJ, creio que o Hulk apenas levará 2 meses, desta vez...

Dragus Invictus disse...

Pelas imagens disponíveis durante a transmissão da TVI, Jorge Jesus intrometeu-se entre Luís Alberto e Franco Jara, ao ver o médio brasileiro a reclamar com o avançado encarnado e agrediu Luís Alberto com uma chapada.

Meus amigos, desenganem-se porque não vão haver quaisquer castigos.
Nem o árbitro principal, árbitros assistentes, delegado da Liga e forças policiais viram nada.
A comissão disciplinar já tinha mudado de canal, e como é óbvio não vai aparecer nenhum interessado a solicitar que seja aberto o tal inquérito disciplinar. A imprensa já está a escamotear esta situação.

Será que o FC do Porto vai solicitar a abertura de um inquérito ?

Abraço

Paulo

http://pronunciadodragao.blogspot.com/

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

o clube do regime já lançou a sua teia e mais uma vez tenta tapar os olhos das pessoas e já tentou censurar o jornal Record, é uma autentica vergonha isto!

O Situacionista disse...

Segundo o Maisfutebol:

"Liga: que dizem os regulamentos sobre agressões entre jogadores e treinadores?

Comissão Disciplinar pode utilizar meios de prova admitidos pelo direito

O Regulamento Disciplinar da Liga estabelece as penas aplicadas em caso de agressão ou tentativa de agressão entre treinador e jogador.

Que sucede quando um jogador agride um treinador?

A situação está prevista no artigo 117. Se a agressão provocar lesão de especial gravidade, pena de três meses a três anos de suspensão. Agressão em outros casos: dois meses a dois anos de suspensão. Em caso de resposta a agressão: «Os factos previstos nos números anteriores são punidos com redução dos limites mínimos das penas a metade».

Se for considerado que o jogador apenas tentou agredir, os regulamentos dizem o seguinte: «Os factos previstos nos números anteriores quando na forma de tentativa são punidos com os limites das penas indicadas reduzidas a metade».

Que sucede quando o treinador agride um jogador?

O regulamento enquadra os treinadores no artigo 137 («Faltas específicas dos treinadores») como se de dirigentes desportivos se tratassem. Com uma diferença substancial: em caso de suspensão de técnicos, os prazos são reduzidas a um quarto.

No artigo 104 é escrito que os dirigentes que agridam outros agentes (nomeadamente jogadores) são punidos com penas de suspensão de três meses a três anos. Prazos que, no caso dos treinadores, seriam reduzidos a um quarto. A tentativa é punida com os limites das penas acima previstas reduzidas a um terço.

Como se pune?

O Regulamento estipula como pode a Comissão Disciplinar punir. Primeiro tem de abrir procedimento disciplinar ou processo de inquérito. Ambos podem ser abertos por impulso da Comissão Disciplinar ou requerimento de interessado. Na base poderá estar o relatório do árbitro, o relatório do delegado da Liga no jogo ou das forças policiais. Ou, ainda, na sequência de denúncia fundamentada.

O artigo 173 estabelece que a deliberação da Comissão Disciplinar poderá ser tomada tendo por base «o relatório da equipa de arbitragem, das forças policiais ou do Delegado da Liga e todos os demais meios de prova em direito admitidos».

Quando podem ser utilizadas as imagens televisivas

A alínea a) do ponto 5 do artigo 173 estabelece as ocasiões em que a CD pode utilizar imagens televisivas para formular uma decisão. Eis o texto: «Quando se verifique que a equipa de arbitragem não sancionou conduta que constitua risco grave para a integridade física dos agentes ou grave atentado à ética desportiva exigida aos intervenientes no jogo, desde que se demonstre que a equipa de arbitragem não tenha observado e avaliado essa conduta».

Que pode suceder no caso do Benfica-Nacional, entre Jorge Jesus (treinador) e Luis Alberto (jogador)?

A Comissão Disciplinar julgará, em primeira instância, a partir dos relatórios de árbitro, delegado e forças policiais. Muito do que estiver para suceder a Jorge Jesus e Luis Alberto dependerá disso.

A própria Comissão Disciplinar poderá decidir abrir um inquérito disciplinar, ouvir quem entender e solicitar as imagens que entender.

Por último, poderá haver um interessado a solicitar que seja aberto um inquérito disciplinar."

( http://www.maisfutebol.iol.pt/benfica/confusao-benfica-nacional-jorge-jesus-luis-alberto-liga-regulamento-disciplinar-liga/1227906-1456.html )

O Situacionista disse...

Meus caros,

Digam-me lá se isto não acontece só com o clube do regime:

"Incidentes não constam do relatório do árbitro

Desentendimento entre Jesus e Luís Alberto

Os incidentes no final da partida entre Benfica e Nacional, para a Liga Zon Sagres, não constam do relatório do árbitro Rui Costa, segundo apurou Record.

O técnico encarnado, Jorge Jesus, e o jogador Luís Alberto (Nacional) desentenderam-se no final da respetiva partida, mas o juiz portuense não registou nenhuma incidência no seu relatório."

( http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Benfica/interior.aspx?content_id=680715 )

condor disse...

Acho que o FCP devia levar isto ás mais altas instancias internacionais se as nacionais tentarem como já começaram a fazer branquear mais esta pouca vergonha!
Se esses gangsters conseguem cometer as maiores tropelias impunemente a culpa não é só da comunicação social avensada nem das comissões disciplinares nem do poder e interesses instalados!É nossa tambem,como clube grande deviamos mover todas as nossas influencias para desmascarar esta podridão que se instalou no desporto em portugal!Ou então não somos um grande clube e não temos influencia nenhuma em nada!
Existem imagens que mostram claramente a agressão,não acredito que fosse muito dificil aos portistas com poder fazelas valer um pesado castigo!
Não será uma forma muito leal ou elegante de lidar com os nossos adversários,mas eles não merecem mais depois do tunel da tentativa de substituirem o nosso clube na LC e até depois da divulgação das escutas na net!Em suma são uns vermes e como tal teem de ser esmagados com um sapato de verniz ou com uma galocha,mas desmascarados e esmagados!

Orgulhoazulebranco disse...

Por esta hora o Hulk já estava em "prisão preventiva"

isto é nojento

Fanático disse...

Estou à espera do parecer do ricardinho costa para me pronunciar...

ultrafcporto disse...

Caros portistas,
Deste jogo safam-se os 3 pontos ganhos porque em futebol espectáculo pouco se viu, mas uma coisa é certa as oportunidades mais flagrantes foram criadas quase todas por o FCP como é óbvio e de esperar, apenas faltou mais uma vez, a eficácia da finalização, achei também que quem não esteve muito bem neste jogo foi Varela que esteve muito apagado. Em relação á palhaçada na Mourolândia realmente o que é de lamentar é a falta de tratamento que dão às escaramuças provocadas por elementos ligados ao clube do regime, estes indivíduos passeiam-se impunes no futebol português, isentos da punição adequada, ainda tem a lata de envergar a capa da justiça desportiva. Que nojentos de merda, e os árbitros uns autênticos cobardes que nem mencionam tais incidências no seus relatórios vergonhoso, cagados de merda. Portistas unidos contra tudo e contra todos, seremos CAMPEÕES.

Cump.
www.ultrasfcporto.com