quinta-feira, 22 de fevereiro de 2007

ADIVINHA

Como o tempo não pára.... temos de começar a pensar já na próxima jornada.
Sabem quem nos vai apitar a Aveiro ?
Nem mais nem menos, o autor do (campo)maior ROUBO de arbitragem deste século, de seu nome, Bruno Paixão !!!
Pois é, pois é...

Como faltava a cereja no topo do bolo, imaginem só quem é que vai arbitrar o jogo do bairro da luz ?
Sabem quem é ? Não ??!!
Então vejam se através desta escuta chegam lá:

Luís Filipe Vieira (LFV) - Eu não quero entrar mais em esquemas nem falar muito...(...)”
(Mais adiante, e após o Major sugerir uma série de nomes para apitar um jogo dos vermelhos, diz o Orelhas:)
LFV - Nada, zero ! Ninguém me dá ! ... Ouça lá, eu, neste momento, é tudo para nos roubar ! Ó pá, mas é evidente ! Mas isso é demasiado evidente, carago !
Ó major, eu não quero nem me tenho chateado com isto, porque eu estou a fazer isto por outro lado.(...)”
(Até que no final da chamada telefónica entre o Orelhas e o Major, acontece isto:)
“VL - E o João Ferreira ?
LFV - O João... pode vir o João. Agora o que eu queria... (...) Disseram que era o Paulo Paraty o árbitro...O Paulo Paraty ! (...)”
(realçados meus)

Já adivinharam quem vai ser o árbitro ?...
.
P.s. - Deixo algumas notas mais em comentário.

10 comentários:

O Situacionista disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
O Situacionista disse...

P.s. – (Duas) notas:
A primeira para a entrevista que o PGR deu ontem a Judite de Sousa. Não vi, mas pelo que me disseram vale a pena atentar em (também) duas curiosidades:

a) sobre o novela de ficção que deu cabo das costas ao famoso Barbas, disse o PGR: “Não me interessava como literatura e entreguei-o a uma assessora do gabinete, que fez um resumo de três paginas com a matéria que poderia configurar ilícito criminal.”
3 páginas....

b) sobre a resposta que deu à Judite de Sousa quando esta, sobre o apito dourado, lhe perguntou qualquer coisa do género - sabendo-se que o FC Porto está envolvido, os outros 2 grandes estarão de fora ? Resposta do PGR, que cito de cor: “Vamos esperar até ao fim”...
Ai vamos, vamos... (mas ainda demora muito o Estorilgate ?...)

A segunda nota é para recomendar vivamente a leitura de mais um excelente texto do JOB n´ABola de hoje. Deixo aqui duas (novamente !! e haverá ainda mais uma) passagens:

“No capitulo do futebol português, há duas entidades com enormes potencialidades para navegarem e se afirmarem no espaço internacional: o Futebol Clube do Porto e a Selecção Nacional.
(...)
Por serem a maioria, julgam que tudo lhe é permitido, inclusive o doping. Como não é, mascaram-se de indignados e perseguidos. Eis a necessidade no máximo esplendor !”

P.s. 2 – Ontem subscrevi, depois de alertado pelo Soldado, a lista de apoio à recandidatura do NGP. Segundo me informaram, já são mais de 9.000 assinaturas.

P.s. 3 – Já agora também eu viro adivinho – em Aveiro, quer jogue muito, quer jogue pouco, o Postiga vai ser criticado pelos portistas. Vai uma aposta ? Basta recuar uns meses e ler o que diziam do Adriano ... que agora é o “desejado”.... !!! É futebol...

Anónimo disse...

Postiga é manco :D

meirelesportuense disse...

Caro Situacionista posso ter entendido mal, mas permita a correcção: o que me pareceu ter sido dito pelo PGR - com uma leve mas clara entoação beiroa, tipo Santa Comba Dão - foi que "eu li 3 páginas, verifiquei que não me interessava como literatura - isto é considerou o livro de qualidade duvidosa - e dei-o a ler a uma assessora que me fez um resumo dos factos que poderiam - segundo ela, a assessora - configurar ilícito criminal..." Depois deu a perceber que não havia nada de definitivo a declarar quanto à condição de arguidos dos diversos intervenientes no Processo, que existem certdões passadas em quase todo o País, não negou nem confirmou estarem os outros grandes clubes envolvidos na investigação e deixou em aberto a possibilidade de estes dossiers estarem ou fechados em trânsito para julgamento até Junho deste ano. Judite de Sousa não fez aquela pergunta que eu consideraria pertinente: a de se poder considerar incompatível a nomeação de MJM com a tão propalada condição do seu marido Saldanha Sanches, como fiscalista de LFV, mas isso já seria de esperar, de quem partilha os lençóis da cama, com o Metrossexual Fernando Seara! No fundo configura o mesmo tipo de incompatibilidade que ela teria de referir como pertinente, em relação à Procuradora Adjunta...Cumplicidades!

O Soldado Azul disse...

Situacionita,
Bem sei que os jogadores à semelhança dos treinadores passam de "bestiais a bestas" num "abrir e fechar de olhos" e o Postiga não foge à regra! Como agora (perdoar-me-ão os sensíveis pela expressão já por mim proferida) voltou "AO NORMAL" já ninguém gosta dele! Eu sempre manifestei a minha opinião em relação ao Postiga, tal como em relação ao que fôr, nunca descutando um princípio basilar - a coerência - e, da mesma forma que sempre critiquei-o negativamente (aliás bastas vezes manifestada neste espaço) também elogiei-o (através de uma "carta aberta") relativamente ao período de "excepção", com os golos que marcou até ao momento (ainda o melhor marcador da Liga...), mas sempre tive o cuidado em afirmar que ele não reúne as características de uma grande avançado, que peca pela mediania e que neste contexto não era jogador para a nossa equipa! Utilizando uma expressão muito em voga, a minha opinião "vale o que vale", típica de um treinador de bancada... Tudo isto pelo teu P.S. 3, para afirmar que mantenho o que sempre disse, não sem igualmente reconhecer que normalmente é um jogador esforçado (contra o Chelsea "lutou" muito...) mas é particularmente ineficaz! Por mim já não era titular há muito, mas ... Para pacificar os ânimos, digo que por ser um dos nossos é um grande jogador!
Saudações

O Situacionista disse...

Meus caros,

Anónimo,
....:-)))

Meireles,
Viu o programa ?
Se viu, o que diz estará certamenmte correcto.
Eu não vi. Como não percebi se o viu (e na íntegra), já depois de ler o seu comentário, tentei confirmar junto de quem viu.
Segundo me informaram, o PGR disse que começou a ler mas que, como não gostou, se ficou por ali. Então, "passou" a leitura para uma assessora que, no final, lhe fez um resumo de ...3 páginas ...com as situações que poderiam configurar responsabilidade criminal.

Acho incrível ele ter dito que começou a ler o livro !!! INCRÍVEL !!! Espero que, pelo menos, tenha conseguido ler até ao fim o resumo...

Essa pergunta de que fala era de toda a pertinência !!!

Mas dizem-me que a Judite até não esteve mal de todo. Pecou apenas, aliás na sequência do que diz o Meireles, por não ter ido mais além.

Soldado,
É verdade. Tu tens toda a "moral" para o criticar.

meirelesportuense disse...

Sim vi o programa porque ele seguiu a transmissão do Porto/Chelsea, foi muito propagandeado e interessei-me por ouvir falar tão "ilustre" personagem...E aquilo que lhe disseram foi também o meu entendimento: cheirou o livro, viu que não tinha interesse e mandou que outros fizessem aquilo que ele manifestamente não teve pachorra para fazer! Eu li o livro como já o disse - à sucapa - em 45/60 minutos sinceramente também na altura me despertou o interesse dado ter sido tão propalado - mas é isto a cultura dominante - e para mim é um autêntico FLOP, mal escrito, sem consistência e apenas dirigido ao essencial o ataque pessoal!Portanto não fiquei nada surpreendido com a atitude confessada do PGR, embora me parecesse pessoa com traços de carácter simples e rural!

AZUL DRAGÃO disse...

E será que não é ...
TRÁGICO-CÓMICO ???

Fanático disse...

1)Questão Postiga: alternativas reais? Ponta de lança, na verdadeira acepção da palavra só temos o Adriano.Ou preferem o Lisandro no meio e perdem o homem na ponta ou ainda o HP na estrema? É evidente que o HP não é um avançado de classe, mas pergunto, temos realmente melhor? É verdade ou não que o melhor período do FCP correspondeu ao melhor período do HP? Ou foi assim porque o FCP estava bem e o HP assim pode marcar golos? Julgo que será sempre a questão da galinha e do ovo. O que não aceito é que se critique sem se apresentar alternativa real.Isto sem fazer de conta que há uma série de jogos que não marca e que o FCP com um ponta de lança como o Liedson se poderia tornar uma equipa imparável, nomeadamente no plano interno.

2) Arbitragem e nomeações: já não há paciência para falta de vergonha descarada a que isto chegou. Nomear o BPaixão para um jogo do FCP é gozar com o clube, com os jogadores, dirigentes e revela, no mínimo, uma manifesta de saber estar e de inteligência (ou será exactamente ao contrário?

Zé Luís disse...

Situacionista, ainda bem que és desconfiado - e com memória! - como eu. Já esperava o Bruno Paixão ou para o jogo com a Naval (apitou o jogo da Taça na F. Foz na época passada e de forma miserável), com o Beira-Mar ou com o Braga.
Ora, o Bruno Paixão apitou o Porto-Braga de 2005 no fim de ciclo de Fernandez. Golo de 1-2 em fora-de-jogo de Wender (mas passou), Maniche expulso (muito bem), mas condução do jogo a emperrar o FC Porto. Foi a 31 de Janeiro.
E apitou o Porto-Braga a 6 de Fevereiro de 2006, com 1-1 final num penálti inexistente e precedido de fora-de-jogo.
Tal como em Campo Maior (19/2/2000) este gajo é marcado sempre para esta altura.
Há coincidências do diabo, mesmo para quem não acredite em bruxas...