quarta-feira, 14 de maio de 2008

A capa ridícula de hoje do jornal A Bola fez-me lembrar (ou será precisamente para a esquecer ?) esta capa da semana passada do mesmo jornal:

.
P.s. - Eu sei que hoje vale tudo, até porque para além de Eriksson, pelos vistos, afinal já não vir a Lisboa, há uma acareação logo à tarde no tribunal de Gondomar (que nada deve trazer de novo) entre Pinto da Costa e a Sr.a D Carolina e à noite há um jantar na Assembleia da República entre os deputados PORTISTAS, em maioria no Parlamento, e o NGP (o que deve ENDOIDECER os antiportistas !). Mas não é preciso a corja jornaleira abusar...

15 comentários:

O Situacionista disse...

Azzulli, esse bilhete no canto superior direito do blog é muito bonito. Espero que tal como o meu, seja o passaporte para mais uma festa !

O Situacionista disse...

Só mais 2 notas sobre a notícia de hoje:

1. É assinada pelo Fernando Guerra (para quem não sabe, está na mesma linha do Cão Raivoso, vulgo, Delgado)

2. A fonte é o ... Cunha Leal !

dragao vila pouca disse...

Vou também dizer qualquer coisa sobre o assunto,só estou à espera de umas notícias.Entendo que o site do F.C.Porto de via dizer qualquer coisa.
Um abraço

Azzulli disse...

O ponto em causa diz:

1.04
To be eligible to participate in the competition, a club must fulfil the following
criteria:
(...)
d) it must not be or have been involved in any activity aimed at arranging or
influencing the outcome of a match at national or international level;

nelote disse...

By By Champions.....

O Situacionista disse...

Eu não estou minimamente preocupado (é que nem um bocadinho muito pequenino), porque mais uma vez, tenho total e abosluta confiança em quem nos lidera.

Mas como há por aí muito espírito frágil, aqui fica uma opinião de peso:

Diz o Maisfutebol:

“«Apito» sem consequências europeias para F.C. Porto, analisa jurista

«O Apito Final» não terá consequências na participação do F.C. Porto na Liga dos Campeões 2008/09 de acordo com a análise de José Manuel Meirim, especialista em Direito Desportivo contactado pelo Maisfutebol.

A questão levantada esta semana colocou de um lado o castigo imposto pela Comissão Disciplinar da Liga ao campeão nacional e, do outro, as condições de admissão à Liga dos Campeões estabelecidas pela UEFA.

Nos regulamentos da Champions, essas condições de admissão, no ponto 1.04, frisam na alínea d) que o clube «não pode estar ou ter estado envolvido em qualquer actividade destinada a combinar ou influenciar o resultado de um jogo a nível nacional ou internacional».

É esta alínea d) que tem estado a levantar a questão da participação do F.C. Porto na Champions na próxima época depois de os dragões terem sido castigados (com a perda de seis pontos) por tentativa de corrupção em dois jogos da temporada 2003/04.

José Manuel Meirim faz questão de frisar previamente que é «adepto do Benfica, mas que entende que o Direito não é nem vermelho, nem azul-e-branco, nem verde» e vinca a sua posição de jurista. E, feito este esclarecimento, esclarece também que a alínea d) se aplica à respectiva época em curso.

Ou seja, o jurista explica que o desrespeito pela alínea d) dos critérios de admissão acontece quando «esta situação de combinação ou alteração de resultados desportivos tiver sido produzida na época que permitiu o acesso à Liga dos Campeões».

O que José Manuel Meirim aponta não se verificar, pois a condenação do F.C. Porto é respeitante à temporada 2003/04. E não terá efeitos desportivos retroactivos a nível das competições europeias. Pois a participação na Champions de que se fala é a de 2008/09 e a actual época 2007/08 do F.C. Porto respeita os critérios de admissão à Liga dos Campeões - neste caso em concreto, no que respeita à alínea d). “
( http://www.maisfutebol.iol.pt/noticia.php?div_id=1304&id=952044 )

O Situacionista disse...

Nelote,

É verdade.

É o que dá ter ficado em 4º lugar...

jdm.dragão.lisboeta disse...

A propósito das últimas calúnias... bem podem esperar sentados... ou então...

INVEJOSOS, benfas e afins, SUICIDEM-SE!!!!!!


"José Manuel Meirim faz questão de frisar previamente que é «adepto do Benfica, mas que entende que o Direito não é nem vermelho, nem azul-e-branco, nem verde» e vinca a sua posição de jurista. E, feito este esclarecimento, esclarece também que a alínea d) se aplica à respectiva época em curso.

Ou seja, o jurista explica que o desrespeito pela alínea d) dos critérios de admissão acontece quando «esta situação de combinação ou alteração de resultados desportivos tiver sido produzida na época que permitiu o acesso à Liga dos Campeões».

O que José Manuel Meirim aponta não se verificar, pois a condenação do F.C. Porto é respeitante à temporada 2003/04. E não terá efeitos desportivos retroactivos a nível das competições europeias. Pois a participação na Champions de que se fala é a de 2008/09 e a actual época 2007/08 do F.C. Porto respeita os critérios de admissão à Liga dos Campeões - neste caso em concreto, no que respeita à alínea d)."

FC PORTO SEMPRE!!!!!...a caminho do TETRA!!!!...antes do PENTA!!!!!....que necessariamente nos levará, FINALMENTE, ao HEXA!!!!!!

O Situacionista disse...

Um portista de Lisboa a falar desta forma, só me merece um comentário - Que grande Dragão !

nelote disse...

Olha, olha, um mouro portista.

O Situacionista disse...

Avança o JN,

“Acareação durou seis minutos
Pinto da Costa e Carolina, um deles mentiu

A acareação entre Pinto da Costa e Carolina Salgado durou apenas seis minutos e só permitiu clarificar que um deles mentiu sobre alegadas conversas à mesa de um restaurante para combinar árbitros que interessariam ao Gondomar SC.

Carolina Salgado disse que Pinto da Costa "mentiu" e o dirigente do F.C. Porto garantiu que o que a ex-companheira contou é "totalmente falso".

Ambos mantiveram, assim, as versões que apresentaram anteriormente, em depoimentos autónomos ao Tribunal de Gondomar, enquanto testemunhas do processo "Apito Dourado".

Em 13 de Março, Carolina Salgado disse ao Tribunal de Gondomar que presenciou várias conversas envolvendo Pinto da Costa, Valentim Loureiro e Pinto de Sousa sobre alegados favorecimentos ao Gondomar SC.

As conversas teriam decorrido no restaurante Degrau Chá, na zona do Foco, um estabelecimento que pertence à família de Valentim Loureiro.

Em 22 de Abril o dirigente portista garantiu que não participou nos alegados repastos para combinar árbitros para os jogos do Gondomar SC. "Nem para "apanhar o Bin Laden", ironizou.

Nas acareações, as testemunhas colocadas frente a frente não comunicam entre si, respondendo a perguntas directas do juiz. "Falam só comigo e não um com o outro", advertiu o juiz-presidente a Carolina Salgado e a Pinto da Costa, mal entraram na sala.

Apesar de se enfrentarem em vários processos, esta foi a primeira vez que o presidente do F.C. Porto e a sua ex-companheira estão frente-a-frente na barra judicial, ainda que ambos na condição de testemunhas."

nelote disse...

Hoje pelo que li no vosso blog o pinto da costa vai á assembleia do republica jantar com os deputados portista á pala de todos os portugueses, pela parte que me toca espero que ele se engasgue com um osso de galinha.
tanta gente a passar fome neste país e a assembleia do republica a gastar dinheiro para dar fartos repastos a golosos desta espécie.

O Situacionista disse...

Não há dúvidas, Pinto da Costa e o FC Porto levam os antiportistas ao desespero total...

Rui Gomes disse...

O problema é que estes, e desculpem a expressão, FDP, dos dirigentes Benfiquistas, que disseram à alguns anos, que não precisavam de reforços, mas sim de poder na Liga não são confrontados com estas palavras do FDP do seu presidente!
Eu tenho medo do que nos possam tentar fazer, sei que estes títulos, 3 últimos, valem muio, muito mesmo, pois foram conquistados com o poder nas mãos DELES!

dragao vila pouca disse...

Meus caros já está no "Dragão até à morte" o Post prometido sobre o assunto.
Quem quiser ver faça favor.
Um abraço