quarta-feira, 21 de junho de 2006

INQUÉRITO DE HOJE

Hoje, mais um,julgando que é um forma muito interessante para se discutir os assuntos:
 
    Porque não aproveita o clube a formação das camadas jovens?
 
    Sendo que, já para próxima época, quer o Hugo Almeida quer o  Hélder Postiga parecem não fazer parte do plantel.
 
   

4 comentários:

BLUE CHIP disse...

Para quê? Para serem assobiados como aconteceu com o Ivanildo esta época em pleo Estádio do Dragão? Já nem falo no Bruno Alves e Ricardo Costa, outros jogadores da casa, que antes de entrarem em campo já estavam a ser assobiado.

Isto em Alvalade não se vê, mas no FCP vê-se!!!Os adeptos do Porto não permitem que os jogadores da casa possam crescer na equipa, daí que tenham que vir bem rodados e com muita estaleca para aguentarem esta pressão!!! è a sina de um clube ultra campeão e com adeptos muito exigentes!!! Reparem que nem ganhando a dobradinha toda a gente ficou satisfeita...

PavlovDoorman disse...

Concordo com o blue chip.
Mas acrescento k esses 2 tiveram mais k muitas oportunidades e não as aproveitaram...
e felizmente o Porto apesar d ser um clube Português (por isso sem grandes capacidades negociais) é um clube que é visto pelo mundo fora como um clube que joga para ganhar... Logo um clube que não tem tempo para ter paciência... Um clube que não se pode dar ao luxo de beneficiar os jogadores em detrimento dos resultados...

Azzulli disse...

Acho que temos dois problemas.

O primeiro é que a nossa formação não está a produzir jogadores de grande categoria, para posições em que actualmente precisamos no plantel sénior.

Ponta de lança, por exemplo. O Hugo Almeida??? E estivemos anos e anos a ensina-lo a quê? A chutar com o máximo de força, sem olhar para onde, sempre que apanha a bola??? Como é que ele não foi ensinado a ser inteligente, a olhar para a baliza, a colocar a bola...?

Temos de produzir 2 ou 3 grandes jogadores cada dois anos. Isso não tem acontecido. O que é inacreditável, pois com a nossa dimensão, tinhamos de o conseguir fazer.

O segundo problema é que, mesmo não sendo jogadores de grande categoria, mesmo que sejam emprestados um ou dois anos, temos de ter no plantel jogadores nossos de 20, 21 ou 22 anos. Podemos contratar craques para titulares, mas ter os “nossos” no plantel, a lutar pela titularidade, e a jogarem sempre que possivel. Até adquirirem o lugar.

O Situacionista disse...

Tema importantíssimo.
E,penso, cada vez mais decisivo para o futuro.
As análises que me antecederam estão excelentes.
O ideal está na junção dessas ideias.
Apenas acrescentaria o seguinte:
O Clube devia instituir como OBRIGATÓRIO, fosse qual fosse o treinador, que, pelo menos, de dois em dois anos teria de ficar a pertencer ao plantel senior um jogador da "cantera".
Era muito estimulante para os miúdos e talvez os adeptos se tornassem mais tolerantes (nesse aspecto o Blue Chip tem carradas de razão !!!).