segunda-feira, 16 de março de 2009

Apesar da arbitragem do "Collina", vitória na batalha "Naval"

22ª jornada da Liga 2008/09
Estádio do Dragão, no Porto
Árbitro:
Cosme Machado (AF Braga)


FC PORTO: Helton; Sapunaru, Rolando, Bruno Alves e Cissokho; Andrés Madrid (Tomás Costa aos 59 min), Raul Meireles e Lucho «cap.»; Mariano, Lisandro (Farías aos 79 min) e C. Rodríguez (Tarik aos 79 min);
Treinador: Jesualdo Ferreira;

NAVAL: Peiser; Carlitos, Paulão «cap.», Diego Ângelo e Daniel Cruz (Baradji aos 46 min); Bruno Lazaroni, Godemeche, Alex Hauw (Dudu aos 46 min) e Davide (Bolívia aos 72 min); Marinho e Marcelinho;
Treinador: Ulisses Morais;

Resultado final: 2-0;
Marcadores: Mariano (aos 29 min) e Lucho (aos 68 min);

15 comentários:

dragao vila pouca disse...

Consciente da importância da partida e da possibilidade que tinha, para alcançar uma liderança mais tranquila, o F.C.Porto entrou forte, dominador, a pressionar e criar vários lances de perigo, mas a ser muito perdulário. Na primeira-parte, o seu melhor período, a equipa azul e branca, que jogou muito bem, podia ter construído uma vantagem segura que fez por justificar, mas que não soube aproveitar, tal foi o desacerto na hora de finalizar.

O F.C.Porto, na segunda metade, continuou dominador, senhor do jogo, mas com pior qualidade futebolística e sem ter as oportunidades da primeira-parte. Com o segundo golo, aí sim, a vitória ficou segura e depois foi só deixar passar o tempo, rodar jogadores e poupar os mais desgastados;Lisandro e C.Rodríguez.

Ainda não foi ontem, que fizemos a grande exibição que o público do Dragão - que querem, somos muito exigentes e gostamos, porque a isso fomos habituados, de bons espectáculos - anseia, mas já foi melhor e também temos a noção, que atendendo às circunstâncias - jogo contra o A.Madrid - não podiamos pedir mais.
A oito jornadas do fim - 4 jogos em casa e 4 fora - temos 4 pontos de avanço sobre o Sporting - não deixa de ser curioso - e 5 sobre o Benfica. Estamos po isso, no bom caminho para atingirmos os objectivos de sermos Tetracampeões. A tarefa não vai ser fácil e os obstáculos vão ser muitos - eles vão continuar a tentar por outro lado. Mas estamos atentos, preparados e conscientes, do que nos espera para conseguirmos, mais uma vez, ganhar a Liga e dar sequência ao nosso trajecto, em que o Céu é o limite. Temos tudo para o conseguir: Dirigentes, equipa e adeptos.

Um abraço

Fanático disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fanático disse...

Vila Pouca, resumo perfeito: vitória fulcral no início da definição do que possa ser o fim da classificação; eficácia ainda sofrível, árbitro mais que sofrível, H ainda(?) inseguro;fantasma do Dragão exorcizado!

O Situacionista disse...

Pontos importantes:

1. O Penta, como homem de palavra que é, já pagou a aposta (como sabem, eu apostei com ele que os vermelhos não ganhavam ao Guimarães).
Contrariado, é certo. Muito contrariado :-))))
Mas já pagou.
E que bem (nos) soube !

2. Ontem, durante o jogo, aconteceu o insólito – houve meia dúzia de espectadores que se tiveram a grande lata de assobiar um ou outro lance. O mundo está mesmo perdido…

3. Acho inconcebível que para ganhar um jogo como o de ontem tenhamos que ter corrido que nem loucos e que ter criado 30 oportunidades.

4. Madrid e Cissokho – Duas grandes contratações ! Madrid tem uma qualidade de passe assombrosa !

5. É com muito gosto de vejo o Mariano a ajudar a equipa !

6. A arbitragem foi mais do mesmo. Lá tivemos de jogar contra 14.

7. Quanto a alguma euforia portista que tenho visto por aí, e como a acho PÉSSIMA, para a refrear, como me parece fundamental, relembro só isto – não se esqueçam que o nosso treinador se chama ... Jesualdo Ferreira !

O Situacionista disse...

Quanto à jornada:

1. Pena o Rio Ave não ter demonstrado mais.

2. Pena o "Quique Bem Falante e Pouco Mais das Flores" estar em risco para a próxima época.


Quanto à classificação, sempre achei que o nosso principal adversário veste de verde.

Até porque os vermelhos, continuam, e bem, com a estratégia totalmente certa. Ora atentem nas palavras de ontem do Orelhas:

"Nunca vi uma boa colheita ser feita sem tempo, sem consistência e algum sacrifício. Todos sabem que sou exigente e que todos os dias reclamo mais trabalho e dedicação, mas sou ao mesmo tempo conhecedor que os bons projectos necessitam de estabilidade. O caminho do sucesso também conhece contratempos", afirmou, acrescentando que "tal como no passado", mantém "o inconformismo".


E ainda há quem critique o Orlelhas...

Mr.Duke disse...

Quando perdemos muito depressa deitamos tudo e todos abaixo, especialmente o treinador, neste caso contra mim e a minha irracionalidade (na derrota) falo, mas porque será que não temos metade da mesma facilidade em atribuir métodos quando eles lá estão.

Ontem e não só ficou demonstrado que as nossas opções não são assim tão fracas.

Já por várias vezes disse que não morro de amores por este treinador mas o factos começam a ser muitos para lhes passar ao lado.

Uma equipa reconstruida, jogadores e equipa em constante evolução, contra tudo e todos fruto de muito trabalho do treinador, ele mais do que toda a gente bem ou mal sempre acreditou na equipa, sempre acreditou e defendeu os jogadores e é bem verdade que alguma senão muita razão tem tido.

Escandaloso foi o facto de no Domingo Desportivo não ter sido analisado o penalti mais escandaloso sobre o Lisandro.

Quanto ao jogo um Lucho cada vez mais em crescendo um Madrid a prometer muito se melhorar de nível físico que tem sido o seu problema.

Uma boa exibição generalizada e uns índices de confiança muito muito bons.

Saudações dragonianas

O Soldado Azul disse...

Considero que demos um passo decisivo para a conquista do titulo ! Estamos mais consistentes e confiantes! Pela atitude e dedicação, o Meireles e o Cissokho em particular merecem uma palavra de reconhecimento!
Não acredito (por piores exibições em casa...) que o titulo nos fuja...
Quanto ao Prof, não consigo me auto-convencer que ... merece continuar...
Já ouvi dizer que começa a surgir uma corrente pro-Jesualdo... Eu quero acreditar que não seja bem sucedida...
Gostaria que a proxima equipa técnica fosse formada por 2 Jorges: Jesus e Costa! (Já me disseram que o acordo com o Jesus já está formalizado... não sei se é verdade...)! Quanto ao Costa, gostaria muito pelo "Dragão" que é (embora tambem reconheça que se a Olhanense subir, numa perspectiva de evolução profissional, possa eventualmente continuar a treinar a equipa (no escalão principal...)!
Saudações

O Situacionista disse...

Diz o Mr. Duke,

"Escandaloso foi o facto de no Domingo Desportivo não ter sido analisado o penalti mais escandaloso sobre o Lisandro."


Não vi, mas confesso que não fico nada surpreendido.

Relembro só que o DD é apresentado por um dos "jornalistas" mais facciosos (pelo vermelho) que conheço. O homem é doentio.

E, depois, os "analistas" do programa são só os vermelhos Paraty (que antecede o "João Pode ser o João" nas preferências do Orelhas) e o Cruz dos Santos (do jornal ABOLA).

Que TRIPLA !

O Situacionista disse...

Retirado de OJogo (e só vou citar a opinião da Rola vermelha):

“Collina" prejudicou FC Porto

Foi Cosme Machado que disse, no Tribunal de Gondomar, enquanto testemunha, ser conhecido por "Collina". Pois, se assim é, os nossos entendidos na matéria defendem que o bracarense não deve ter aprendido com o ex-árbitro italiano.

Ontem, por exemplo, esteve mal em três julgamentos. Como não assinalou grande penalidade por faltas sobre Lisandro (cometidas por Peiser e Paulão) e Cissokho (aqui, mostrou desconhecer as novas regras), Cosme Machado prejudicou claramente o FC Porto.



Momento mais complicado

9' Peiser faz falta passível de grande penalidade numa entrada sobre Lisandro?

António Rola

-

Sim. O guarda-redes da Naval, sem qualquer hipótese de jogar a bola, derrubou Lisandro, ficando assim por sancionar uma grande penalidade contra a equipa da Figueira da Foz.


Outros casos

28' Paulão mete a mão no ombro de Lisandro (viu amarelo por simulação). É penálti?

António Rola

-

Interpretação errada do árbitro. Lisandro foi agarrado pelo ombro direito. Em vez de o ter advertido, o árbitro deveria ter sancionado penálti.

90'+2 A falta de Dudu sobre Cissokho é cometida dentro ou fora da grande área da Naval?

António Rola

-

Tendo em consideração a alteração desta lei, devia o árbitro sancionar penálti contra a Naval. A falta começou fora, mas tem efeito dentro da área.”



ENFIM, MAIS DO MESMO !!!

LÁ ESTÁ, ISTO É A PROVA PROVADA, COMO BEM DIZ O ORELHAS E OS SEUS FIEIS ACÓLITOS, QUE NÓS SÓ GANHAMOS À CUSTA DO APITO DOURADO E DO PINTO DA COSTA QUE COMPRA TUDO O QUE MEXE ...

rapariga do norte disse...

Eu quando penso no jogo de ontem a primeira coisa que me vem a cabeça é como é que um arbitro não marca nenhum penalti quando existiram 3, enfim.

O que interessa é que o Porto ganhou mesmo a jogar contra 14, e num jogo que a nivel colectivo foi bom, sendo que na minha opinião os melhores em campo foram o Raul Meireles e o Mariano.
Quanto ao campeonato, apesar da vitória de ontem ter sido muito importante, pois permitiu-nos ganhar vantagem em relação ao segundo classificado, ainda não está decidido aidna faltam oito jogos para este chegar ao fim.

O Situacionista disse...

As frases ds semana:


- "Mas gostava que se lembrassem, porque a memória por vezes é curta, que era mais difícil recuperar diferenças de 15 ou 25 pontos entre equipas não estavam ao mesmo nível, era uma diferença estratosférica. E agora, com o esforço de todos, estamos na discussão do título e na final de outra competição, com uma ilusión que há pouco tempo não era possível.»


- " ...é um milagre a equipa estar a apenas 2 pontos do FC Porto."

dragao vila pouca disse...

«A RTP no seu museu virtual (museu.rtp.pt) tem uns clips de vídeo onde fala dos principais acontecimentos das várias décadas.

Ora, não é que a RTP se "esqueceu" de um acontecimento na década de 80 que talvez seja um bocadito relevante:

O FC Porto foi campeão europeu e mundial.

A RTP na década de 80 fala de tudo:
- Festival da canção
- Andebol
- Râguebi
- Formula 1
- Atletismo
- Futebol Internacional»

Vi esta vergonha no blog jornaisdesportivos e chamou-me a atenção.

Um abraço

Eterno Dragao disse...

Ontem, vim do Dragão com um daqueles "sorrisos de orelha a orelha". Creio que foi das melhores exibições do FCP durante esta época, nos jogos em casa.

Jesualdo Ferreira é muito mau durante os jogos. Mas, honra lhe seja feita, é muito bom a construir equipas (e fá-lo rápidamente). O nosso futebol está muito melhor do que no tempo em que o quisemos "vender aos ucranianos". Estou convencido de que vai ser campeão nacional e europeu, vai ganhar a Taça de Portugal e vai sair em grande! :-)

É impossível não falar dos três penalties não assinalados. Inacreditável! Também é impossível não falar das excelentes exibições de Mariano e, sobretudo, desse grande lateral esquerdo chamado Roberto Cissokho Carlos.

Muito bom! Continuemos assim!

Armindo disse...

Em termos gerais, gostei da exibição.
Especialmente a primeira parte. Quanto à segunda, compreendo a gestão de esforço.
Aspecto a melhorar (apesar de não ser de hoje) a finalização!
Destaco o Sapunaru, pelo crescimento evidenciado; e sobretudo pela utilidade futura na equipa!

O Situacionista disse...

Ontem esqueci-me de fazer um comentário dirigido ao Vila Pouca.

Meu caro, relativamente àquele assunto de que não devemos falar, fiquei algo preocupado ao ver no passado sábado o jornal ofical dos vermelhos trazer o assunto à baila.

Espero bem que o caso já esteja encerrado...