segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Um pequeno "Paço"

Isto não começou muito bem...

Na 1ª parte jogamos deficientemente.
Na 2ª ficamos reduzidos a 10, e até jogamos um pouco melhor...

Falcão ganhou o jogo ao Farias.
Penso que não ficaram dúvidas de qual terá de ser o nosso avançado centro.
O Hulk pôs-se muito a jeito para ser expulso, e acho bem que tenha aprendido algo neste jogo.
O Mariano pode ser muito esforçado, mas perdem-se muitas jogadas nos seus pés (regressa rápido Rodriguez…).
Meireles esteve apagado.
E assim, não conseguimos fazer um bom jogo…

Recorremos ao espírito de luta, e conseguimos o empate, que estando a perder e com 10, acaba por ser o tal “mal menos” que fala JF.

E numa jornada em que o Sporting empatou no Nacional, jogando mal, e o Benfica empatou em casa com o Maritimo - então não deveriam ser 5-0? - o nosso resultado/exibição até acaba por ser, mesmo assim, o melhor dos três.

Há que trabalhar muito esta semana.



Estádio da Mata Real
Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco)

Equipas:

P. FERREIRA – Cássio; Filipe Anunciação, Danielson, Kelly e Jorginho; Leonel Olímpio, Ricardo e Pedrinha (Ciel, 81m); Baiano (Romeu Torres, 76m), William (Carlitos, 62m) e Cristiano.

FC PORTO – Helton; Fucile, Rolando, Bruno Alves e Álvaro Pereira; Belluschi (Tomás Costa, 76m), Fernando e Raul Meireles (Falcao, 46m); Mariano, Farías (Varela, 59m) e Hulk.

Acção disciplinar: Cartão amarelo a Hulk (segundo amarelo e cartão vermelho), Danielson, William, Mariano.

Marcadores: 1-0, Ricardo (11m); Falcao (78m)
Fim da partida: 1-1

11 comentários:

Orgulhoazulebranco disse...

Há mesmo que trabalhar muito esta semana,concordo a 100% com o post.
É bom que o Hulk tenha aprendido uma lição ontem.Que o descanso lhe faça bem.

Também sinto a falta do CR10 =/ embora ache que o Porto pode muito bem safar-se sem ele,o cebola poderia ser uma boa ajuda,mas está atrasado em termos de ritmo competitivo em relação aos colegas.

E por falar nisso,que é feito do Valeri??
Eu sei que ele veio um pouco debelitado fisicamente,mas foi convocado,treina sem limitações e não é no banco que ele vai ganhar ritmo!Porque entrou o Tomás Costa e não ele?

...

dragao vila pouca disse...

De entrada jogaram nove jogadores da época passada e portanto, tinham obrigação de jogar melhor. Quando de uma semana para a outra, não se aprende nada e se entra em campo da mesma forma displicente, desconcentrada, a dormir e se dá a iniciativa ao adversário, normalmente dá mau resultado.
Hulk tem de deixar de carregar nas costas a responsabilidade de resolver tudo sozinho e passar a ter outro comportamento, sob pena de prejudicar mais que ajudar a equipa.
Boa reacção com 10, aí já o Porto de sempre, com caracter e raça, que empatou e se podia ter perdido, também podia ter chegado à vitória.
Tudo somado, um resultado justo e um jogo com muitos motivos para reflexão.

Ah, Farías demonstrou que não é o avançado que uma equipa com as responsabilidades e ambições do F.C.Porto, precisa.

Um abraço

Azzulli disse...

Nos vermelhos, o David Luiz distribui porrada o jogo todo.

Mas a SportTV arranjou o Carlos Manuel para comentador, e assim a cada cacetada temos o Carlinhos a gritar "foi sem intenção!"...

Claro! Sim, sim...

Aliás, a táctica vermelha mantém-se:
1) cair brutalmente sempre que um adversário está perto
2) reclamar todos os lances
3) colocar ar de incredulidade em todas as faltas contra eles assinalados
4) entrar duro sobre os adversários

O Situacionista disse...

Um gajo tá a regressar de umas maravilhosas férias, (tem de) pára(r) numa estação de serviço para ver o jogo e ... é contemplado com uma exibição paupérrima ... ao ponto de, a meio, desistir, e seguir viagem para tentar ver o final do jogo em casa. Vá lá, ainda vi o fabuloso golo do Falcao. Que permitiu um mísero ponto.

Mas ontem lembrei-me de um jogo creio que da época 85/86.

Nesse jogo, no estádio das Antas, assisti a uma particularidade que jamais esqueci. E que distingue os predestinados dos comuns mortais.

Foi um jogo entre o FC Porto e os caceteiros do Bessa.

O jogo começa e de cada vez que a bola ia parar ao nosso jovem génio - Futre -, os adversários, fosse lá qual fosse o jogador, e antes do Futre poder respirar, "ofereciam", sem demoras, uma valente traulitada.

A tal ponto que se começou a temer que partissem uma perna ao nosso prodígio.

Tudo isto perante a inacção do árbitro e um crescente enervamento do Futre.

Perante este cenário, salvo erro, ainda antes dos primeiros 30 minutos, o que decide fazer o Rei Artur ?

Nem mais, nem menos, simplesmente ... retirou o Futre de campo.

Fiquei atónito ! De boca aberta ! Nem queria acreditar.

Confesso, só tempos mais tarde consegui compreender o enorme alcance - interno e externo - que esta medida teve.

De mestre !

Ontem, especialmente depois de ver o Bruno Alves ter de chegar ao ponto de, publicamente, repreender o Hulk, ainda cheguei a sonhar ...

O Situacionista disse...

Azzulli,

Reparei agora que o topo do blog, entre outras alterações, foi actualizado. Quase não dá para acreditar ...

Azzulli disse...

É verdade Situacionista...
Devagar, devagarinho, mas a tempo da nova época!
:-)

O Situacionista disse...

Só mais duas notas POSITIVAS:

Uma, para a ATITUDE da equipa a jogar com 10. Gostei muito.

Duas, para o Labaredas:


"Mais um desanimado...

Todos os jornais desta segunda-feira fazem referência a expulsões perdoadas a jogadores do Benfica na recepção de ontem ao Marítimo. Todos menos um. O do costume, o despudorado-mor, o panfleto de um regime que há muito deixou de existir.

Depois de ler a crónica do jogo em questão, curiosamente (ou talvez não…) assinada pelo próprio director, o Labaredas ficou com uma série de dúvidas. Apesar do chorrilho de lamúrias sobre um resultado que, naturalmente, não lhe agradou, não sobrou espaço para a referência aos lances para cartão vermelho? Será que viu o jogo na bancada, no meio da onda desiludida, e não no distanciamento da zona de Imprensa. Será esta linha de pensamento que lhe permite validar e apoiar os desatinos do desanimado nº 1?

Tudo isto roça a pobreza de espírito e não serão, seguramente, o estatuto, o ar douto e o discurso escorreito que vão camuflar a evidência. Um lacaio é sempre um lacaio."

Del Giorgio disse...

O Rodriguez que volte depressinha e mande esse tal de Mariano pro banco que lá é que ele está bem! É um bom suplente e mesmo nada mais.
Quanto ao Hulk, vai-lhe/está-lhe a acontecer o mesmo que ao Benny: farta-se de sofrer faltas, não marcadas sequer, chateia-se e ele é que vai prá rua à 1ª oportunidade. Normal, normal.
Mas tirando os 2 pontos, nada está perdido :)

JediVermelho disse...

A vossa exibição a melhor?Epah deixem-me rir!!!Também são daqueles que acham que é fácil expulsar o Hulk, sendo que ontem foi a 1ª vez... E ali ao lado a dizer o que o David Luiz distribui porrada.LOOOOL, dito por adepto de um clube onde joga o Bruto Alves...que ontem fez das suas.Outra vez! Enxerguem-se!

Orgulhoazulebranco disse...

Outra vez arroz?Essa do Bruto Alves já cheira tão mal quanto voces...

"o Benfica empatou em casa com o Maritimo - então não deveriam ser 5-0? - o nosso resultado/exibição até acaba por ser, mesmo assim, o melhor dos três."
Achas que empatar em casa com o maritimo quand estavam todos à espera de dar uma cabazada,é melhor que empatar na mata real a jogar com 10 durante a 2ªparte??Não me parece,pois não? A relação resultado/exibição foi melhor para o slb do que para o F.C.Porto?Não...
Mas agora,se és burro o suficente para não conseguir interpretar uma ideia tão simples como esta,isso é outra coisa...

Azzulli disse...

:-)
Como se vê, os adeptos vermelhos também se mantêm iguais...
Agarrados a clichés, a verem só o que lhes convém...